Que tal morar na cidade onde não há políticos?

Bem-vindo a Auroville! Aqui não há prefeito, ou governador. As regras são feitas por você e pela própria comunidade, que se reúne quando é preciso decidir questões importantes. E aí, é o que você quer para o resto da vida?

Por Carol

Auroville 2.jpeg

Auroville fica na Índia e foi fundada em 1968. Acima, a maquete que mostra como ela vai crescer, em forma de uma galáxia espiral, como a Via Láctea. Reconhecida atualmente pela Unesco como cidade, ela tem um filtro importante, aplicado a quem entra. É preciso que todos queiram realmente praticar o desapego, esquecer o capitalismo e as ambições às quais o mundo aqui fora nos induz. Seus dois mil moradores são na maioria indianos. Mas há espaço para outros 48 mil, se for necessário.

Auroville 5.jpg

Para habitá-la, é preciso passar por um teste que exige que verdadeira integração ao espírito da sustentabilidade. É preciso contribuir com seu trabalho em alguma das empresas – há fabriquetas, restaurantes, hospitais, serviços dos mais diversos, como no mundo todo. Tudo é abastecido por energia solar e o transporte é todo feito por bicicletas. Os moradores ganham salário de R$ 405, por mês, o que dá para viver e ainda juntar. Não há coisas caras, não há quem ganhe mais, e assim, todos são “iguais”. Mas as casas são diferentes, umas das outras, chamadas de arquitetura experimental. Os formatos são projetados pelo centro de construções do local.

Auroville 3.jpg

Quanto aos hábitos, ninguém pode montar uma igreja, por exemplo. É permitido ter crenças e rituais, mas desde que isso não atrapalhe outros cidadãos.

Auroville 6.jpg

Se você quer morar lá, basta adquirir uma casa, que custa em média 3 mil dólares. É preciso também informar sobre seu talento. Se você tiver dons artísticos, pode viver de sua arte. Durante um ano, você será observado, para saberem se realmente houve adaptação ao lema de Auroville, levado a sério pelos moradores. Caso você não passe nessa avaliação, tem o valor de sua casa devolvido e é convidado a se retirar dessa espécie de “shangrilá”.

Auroville 4.jpg

Na verdade, é uma aldeia como a que as pessoas aqui fora vivem (me incluo nessa) – afinal, ao morar em um condomínio com regras, reuniões para tomar decisões, estamos vivendo algo parecido, não? A diferença é realmente a filosofia baseada no socialismo. As pessoas adquirem conhecimentos de forma igualitária nos centros de estudos, têm acesso às mesmas coisas nas lojas, e tudo é compartilhado… Por 40 anos, quem mora lá garante que tem dado certo. É preciso apenas ter o desapego (e pouca curiosidade de saber do mundo) como principais lemas de vida. E sabemos que a humanidade é movida pela curiosidade…

Auroville 7.jpg

Fotos: Divulgação/Auroville

Algumas das imagens utilizadas são de divulgação. Se você é autor de uma ou mais delas, e não foi devidamente citado, entre em contato conosco aqui.

5 comentários Adicione o seu

  1. dMailonG disse:

    HIPOCRISIA! DO LADO DESSA UTOPIA MILHÕES CONTINUAM A MORRER DE FOME NA ÍNDIA.

    Curtir

  2. Flávio Borges disse:

    A filosofia desse projeto me interessa por demais! Porém, tenho alguns questionamentos, principalmente no que tange à vida familiar:
    – Podemos levar conosco família já constituída; marido, mulher e descentes diretos?
    – Há possibilidade de nos ausentarmos (em caráter de férias), a fim de visitarmos parentes e familiares?

    Curtir

    1. ANA ESMERALDA SPERB disse:

      gostamos muito
      gostaríamos muito de morar com vcs.
      tem limite de idade?

      Curtir

  3. riane amorim disse:

    Onde consigo mais informações de como morar lá?

    Curtido por 1 pessoa

  4. Paulo César Mateus Perez disse:

    Gostaria de saber como faço para poder morar em Aureville…o que é preciso…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s