A vida em cores

Todos nós temos consciência de que a cor é um componente essencial de como vemos o mundo a nossa volta. Ainda que não fiquemos ocupando nossos pensamentos sobre os efeitos disso no dia a dia, o fato é que as cores exercem influência sobre nossos humores e emoções. Pois é! Pode ser que o tom das paredes em sua cozinha esteja contribuindo para que você se sinta relaxado ou para aumentar consideravelmente sua disposição para comer! Isso não acontece exatamente porque estamos programados geneticamente para que todos os seres humanos sintam-se de uma determinada forma diante de uma cor, mas basicamente porque a maneira como interpretamos uma cor é fundamentada em regras culturais ou em experiências pessoais.

Por Angelita

9579a1079908c502d5c906f3de7d9ea4

Sendo assim, seus pensamentos sobre uma cor influenciam sua resposta emocional a ela. Em função disso, as cores trazem de volta memórias pessoais e os sentimentos que nós associamos com ela. Algumas dessas memórias são em grande parte inconscientes, o que pode ajudar a explicar porquê tantas vezes nos sentimos bem (ou não) em um ambiente sem conseguir dizer exatamente a razão pelo sentimento. Apesar do aspecto pessoal e cultural, as pesquisas em torno da Psicologia das Cores têm revelado alguns padrões básicos de reação às cores que a maioria dos seres humanos estudados compartilham. Em geral, esses padrões foram desenvolvidos no longo da evolução da nossa espécie. Por exemplo: tons claros e vibrantes de azul são maioritariamente percebidos como agradáveis, muito provavelmente porque no decorrer da história humana um céu claro quase sempre significou ausência de tempestades e águas limpas, ou seja, mais chances de sobrevivência. O bom de haver quem estude os efeitos das cores sobre as emoções é que você pode usar esse conhecimento para tornar sua casa estética e emocionalmente funcional.

rustic-couch-mustard-yellow-living-room-decor

1. Cores brilhantes como tons intensos e luminosos de verde e azul, amarelo e laranja proporcionam uma sensação de expansão. Favorecem as emoções de alegria e entusiasmo, incentivando a comunicação e a interação social. Logo, são cores especialmente bem-vindas em ambientes sociais como sala de jantar, estar e cozinha.

bfaba9360ddea7c62fc359453b0cb06f

2. Cores escuras e profundas como tons de vinho, roxo, azul índigo e verde floresta podem ter um efeito restritivo, mais reservado e até mesmo sombrio. Quando aplicadas adequadamente ou como elementos de destaque, contudo, elas podem ajudar a transmitir a sensação de conforto, privacidade e segurança em quartos, salas íntimas e corredores.

041c6cf746291cf974083e22c0120db7

3. Cores quentes como os tons mais fechados de laranja e amarelo e os mais vibrantes de vermelho costumam elevar a temperatura percebida em um ambiente. Se você quer usar uma dessas cores nas paredes, a indicação é que elas sejam adotadas em ambientes sombreados, que recebem pouca incidência solar, ou em casas situadas em regiões de clima mais ameno. Como essas cores inspiram atividade elas são bem-vindas em áreas de trabalho, mas deve-se evitá-las em ambientes pensados para o relaxamento e em quartos de crianças.

transitional-eclectic-open-home-office-500

4. Cores frias como lilases, cinzas, azuis e verdes claros têm um efeito calmante. São tons que cabem mais adequadamente em quartos, banheiros, espaços para leitura ou de trabalho que exijam concentração. Se o nível de estresse e de ansiedade dos moradores da casa costuma ser alto essas cores podem ser utilizadas em outras áreas também.

56718ff8a33947fd9a7d020534bf385e

5. Cores neutras como beges suaves, brancos e cinzas claros, assim como algumas ácidas como amarelo limão e verde cana, ajudam a transmitir uma sensação de limpeza e frescor. Costumam funcionar muito bem em áreas que associamos à necessidade de higiene como cozinhas, banheiros e áreas de serviço. E para quem, de forma geral, gosta de ambientes limpos elas podem ser uma boa pedida em qualquer espaço doméstico.

df0f9433a54d8b0b6ce3003e1f64a603

O mais importante, porém, quando falamos do uso das cores em casa é sempre lembrar que ainda que os seres humanos respondam às cores de forma semelhante, os efeitos psicológicos de uma determinada cor não serão necessariamente os mesmos para todo mundo. Duas pessoas não vêm uma mesma cor exatamente da mesma maneira, além de sutis diferenças fisiológicas existentes entre cada ser humano, nossa história de vida e a cultura na qual crescemos também influenciam a forma como avaliamos uma cor. Mas você pode tirar proveito disso! Como parte da interpretação que fazemos de uma cor tem a ver com nossas memórias pessoais, você pode buscar nas suas lembranças os ambientes nos quais se sentiu feliz durante a vida. Utilizar as cores desses ambientes na sua casa atual pode ajudar a criar bem-estar e felicidade no seu dia a dia hoje. Afinal, a casa é sua!

Foto 1: Buzz Feed

Foto 2: Better Homes and Gardens

Foto 3: Vspass

Foto 4: Pinterest

Foto 5: Beyond The Green Doors Design

Foto 6: Home Portfolio

Foto 7: Facilisimo

Foto 8: Project Nursery

Algumas das imagens utilizadas são de divulgação. Se você é autor de uma ou mais delas, e não foi devidamente citado, entre em contato conosco aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s